Hospital Yutaka Takeda reabre ambulatório para consultas médicas

_Unidade adotou medidas de prevenção contra o novo coronavírus, como redução da capacidade de atendimento e disponibilização de álcool em gel_

Neste mês de julho, o Hospital Yutaka Takeda (HYT), gerenciado pela Pró-Saúde em Parauapebas (PA), está retomando gradualmente os atendimentos de consultas médicas eletivas em diversas especialidades.

Segundo orientações dos órgãos oficiais de saúde, os atendimentos ambulatoriais estavam suspensos desde o mês de março. Agora, o processo de retomada adotado na unidade cumpre as recomendações de decreto municipal. A regulamentação permite o retorno da prestação desse tipo de serviço, seguindo todas as medidas sanitárias de prevenção necessárias, como fornecimento de álcool em gel, uso de máscara e limite máximo de 50% da capacidade de atendimento, entre outras regras.

A diretora técnica do HYT, Roberta Pinheiro, explica que o retorno dos atendimentos eletivos da unidade conta com adequações importantes. “Disponibilizamos mais dispensers de álcool em gel, reforçando a importância da higienização das mãos. Além disso, demarcamos os assentos nas áreas de recepção e espera, para manter o distanciamento social dentro da unidade. Desta forma buscamos garantir o atendimento seguro e de qualidade, que é a marca do nosso hospital”, ressalta Roberta.

A líder de atendimento do HYT, Brenda Souza, reforça ainda, que um trabalho intenso de orientação, no momento do agendamento da consulta, está sendo realizado para informar todas medidas de precaução adotadas pela unidade, a fim de garantir um atendimento seguro. “Devido a pandemia do coronavírus, como medida de segurança para evitar aglomerações, não é permitido a entrada de acompanhantes, exceto nos casos previstos por lei, quando é permitido a presença de um responsável”, explica Brenda.

Outra informação importante repassada aos usuários é que, caso apresentem algum sintoma gripal como tosse, coriza, dor de garganta, febre ou dificuldade para respirar, será necessário realizar o reagendamento da consulta. Há ainda a possibilidade de encaminhamento para atendimento no Pronto-socorro GRIPAR, exclusivo para a avaliação de pacientes com sintomas respiratórios no HYT.

As especialidades disponíveis para agendamento no Hospital Yutaka Takeda são: clínica médica, pediatria, cirurgia geral, urologia, ortopedia, ginecologista, psicologia e psiquiatria. Os interessados podem agendar a consulta, de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h, por meio dos telefones (94) 3352-4602, 4603, 4604 e 4605.
Sobre o Hospital
O Hospital Yutaka Takeda possui importantes certificações que demonstram a preocupação da Unidade com a qualidade e segurança no atendimento. O hospital é certificado com a ONA 3 – Acreditado com Excelência, reconhecimento máximo concedido pela Organização Nacional de Acreditação (ONA), que avalia a qualidade, segurança e gestão integrada. O hospital também foi a primeira unidade de saúde no Brasil certificada pelo Programa Nacional de Qualidade (PNQ), do Conselho Federal de Enfermagem (COFEN), que reconhece a qualidade da assistência da instituição. Alem de outras certificações como o Green Kichen e o Selo de Hospital Saudável.

Sobre a Pró-Saúde

A Pró-Saúde é uma entidade filantrópica que realiza a gestão de serviços de saúde e administração hospitalar há mais de 50 anos. Seu trabalho de inteligência visa a promoção da qualidade, humanização e sustentabilidade.
Com 16 mil colaboradores e mais de 1 milhão de pacientes atendidos por mês, é uma das maiores do mercado em que atua no Brasil. Atualmente, realiza a gestão de unidades de saúde presentes em 22 cidades de 12 Estados brasileiros — a maioria no âmbito do SUS (Sistema Único de Saúde). Atua amparada por seus princípios organizacionais, governança corporativa, política de integridade e valores cristãos.
A criação da Pró-Saúde fez parte de um movimento que estava à frente de seu tempo: a profissionalização da ação beneficente na saúde, um passo necessário para a melhoria da qualidade do atendimento aos pacientes que não podiam pagar pelo serviço. O padre Niversindo Antônio Cherubin, defensor da gestão profissional da saúde e também pioneiro na criação de cursos de Administração Hospitalar no País, foi o primeiro presidente da instituição.